freitasnews16

Bolo amanteigado de coco: aproveite a receita molhadinha e saborosa

O cheirinho de bolo no forno chama atenção de todos na casa. Seja no café da manhã ou durante a tarde, um bolinho acompanhado de um café passado na hora melhoram o dia de qualquer um. Por isso, a receita de bolo amanteigado de coco do Guia da Cozinha vai entrar para a sua lista de favoritos!

Em apenas 40 minutos você consegue preparar um bolo barato, saboroso e molhadinho que vai deixar toda a família ansiosa para provar! Não deixe de conferir o passo a passo dessa receita maravilhosa abaixo:

Ingredientes:
2 ovos
1 e 1/2 xícara (chá) de açúcar
4 colheres (sopa) de manteiga
1 vidro de leite de coco (200ml)
1/2 xícara (chá) de fécula de batata
1 xícara (chá) de farinha de trigo
1 colher (sopa) rasa de fermento em pó químico
Margarina e farinha de trigo para untar
Calda:
1 vidro de leite de coco (200ml)
1 vidro de leite (use o vidro de leite de coco vazio para medir)
50g de coco ralado
3 colheres (sopa) de açúcar
Modo de preparo:
Bata os ovos com o açúcar na batedeira por 10 minutos ou até dobrar de volume.
Adicione a manteiga, o leite de coco, a fécula e a farinha, batendo somente para misturar.
Acrescente o fermento e misture com uma colher.
Despeje em uma fôrma de 25 cm x 35 cm untada e enfarinhada e leve ao forno médio, preaquecido, por 25 minutos ou até que ao enfiar um palito, ele saia limpo.
Deixe esfriar e desenforme.
Para a calda, misture em uma panela o leite de coco, o leite, o coco e o açúcar e deixe levantar fervura.
Cozinhe por 3 minutos e desligue.
Fure o bolo com um palito e regue com a calda ainda quente.
Deixe esfriar e sirva em quadrados.

terra

Almoço do Dia das Mães: dez receitas com bacalhau

Um dos ingredientes mais presentes nas datas especiais é o bacalhau: Páscoa, Natal e Ano Novo são apenas algumas das celebrações em que esse peixe brilha nas mesas de almoços em família. Caso a sua mãe seja fã desse peixe, ou você deseje impressioná-la com pratos de qualidade de restaurante, separamos uma seleção de dez receitas pensadas por chefs que podem dar uma nova luz para o cardápio da ocasião. E não se preocupe: mesmo que você não leve muito jeito na cozinha, essas receitas são fáceis, com preparos variados que aproveitam diferentes características e tipos de bacalhau (entre peças de lombos, lascas, desfiados, etc.).

Confira abaixo a nossa seleção:

Caçarola de bacalhau
A chef Janaína Torres, eleita a melhor chef do planeta por ranking internacional, mostra como preparar uma refeição completa com o peixe, que dessa vez é feito com a técnica do confit, cozido lentamente no azeite, desmanchando na boca depois de pronto.

Os acompanhamentos são feitos em uma mesma panela e ficam prontos rapidamente. A sugestão é servir com um arroz branco, e você pode clicar aqui para ver como preparar com as dicas de Janaína Torres.

Veja a receita

Brusqueta de bacalhau confit
Se você já tem outros planos para o prato principal do almoço do Dia das Mães, você pode seguir a ideia da chef Ana Soares, do Mesa 3 e aproveitar o bacalhau em entradinhas fáceis de fazer, e ampliam as possibilidades de usar esse peixe na cozinha.

O confit de bacalhau retorna para a receita dessas brusquetas, sendo o peixe e o alho preparados com essa técnica. Esses ingredientes acompanham dois tipos de pestos “diferentões”: um verde, feito com salsinha e aliche, e um vermelho, à base de pimentões e pimentas.

Veja a receita

Arroz de bacalhau com tomate e brócolis
A receita de arroz de bacalhau do Bar Pirajá aproveita as lascas de bacalhau cozidas em uma receita fácil e que fica pronta em menos de meia hora. A ideia é fazer um arroz com bastante tomate, um pouco de molho ao sugo, para dar cremosidade e sabor, e o brócolis cozido, que entra na receita como uma acompanhamento não tão comum ao peixe, mas que ainda sim combina bastante.

Veja a receita

Bacalhau frito com cebolada, pimentões e couve
O chef Carlos Madeira ensina uma maneira diferente de preparar o peixe: dessa vez empanado, e como sugestão de acompanhamentos, uma deliciosa cebolada com pimentões e couve. Essa receita conecta um jeito mais descontraído de consumir o peixe com preparos clássicos da culinária portuguesa.

Veja a receita

Bacalhau à Herdade do Esporão
O lombo de bacalhau ao estilo português do A Bela Sintra é preparado de maneira prática, em uma receita de bacalhau fácil e que combina o peixe com uma fresca seleção de vegetais, e tudo isso finalizado com alho frito.

Veja a receita

Bacalhau assado com batatas ao murro
A receita de bacalhau assado com batatas ao murro do chef Vitor Sobral é uma maneira diferente e saborosa de preparar o peixe. As batatas são acompanhamentos clássicos do bacalhau, e nessa versão são preparadas com uma técnica diferente. A batata ao murro é feita no forno, e é levemente amassada, para que a casca se abra um pouco e fique com uma textura crocante, aumentando a área de contato da batata com o calor do forno.

Veja a receita

Bacalhau à Zé do Pipo
Nessa receita prática, o bacalhau é cozido no leite, ficando com uma textura macia e sabor suave. As postas de bacalhau acompanham um cremoso e saboroso purê de batatas, que também é muito fácil e rápido de preparar.

Veja a receita

Bacalhau encapado
A receita de bacalhau do Buffet Charlô é feita a partir de uma releitura do famoso Bife Wellington. Dessa vez, a massa folhada é recheada com bacalhau desfiado e refogado com bastante cebola e batata, com um toque autoral à receita clássica – e que com certeza vai impressionar a sua mãe.

Veja a receita

Bacalhau dourado
Também conhecido como Bacalhau à brás, essa receita aproveita o peixe em um preparo bem simples, que pode servir de acompanhamento para o arroz ou até mesmo para massas. A ideia é desfiar as postas de bacalhau, juntando com batata palha caseira e ovos.

Veja a receita

Bacalhau Tahiti
A chef Carla Pernambuco, do restaurante Carlota, ensina a fazer uma receita de bacalhau bem condimentada, com sabores diferentes e que saem do óbvio dos preparos desse peixe. O acompanhamento escolhido é um purê de banana da terra cremoso.

Veja a receita

Paladar Testou: qual é o melhor bacalhau dessalgado do mercado?
Convidamos um time de especialistas para avaliar seis marcas de bacalhau dessalgado do supermercado, em uma degustação que analisou as qualidades e defeitos de cada produto. Você pode clicar aqui para conferir o resultado da avaliação.

terra

Macarronada com almôndegas recheadas: facilidade para o almoço em família

A família chegou em casa para almoçar e você não sabe o que preparar para agradar a todos? A solução é a receita de macarronada com almôndegas recheadas do Guia da Cozinha! O prato é a mistura perfeita de sabores que vai conquistar todos os convidados. Com poucos ingredientes e uma preparação simples, você vai ouvir elogios de todos os cantos!

Confira a receita completa a abaixo:

Macarronada com almôndegas recheadas
Tempo: 1h

Rendimento: 5 porções

Dificuldade: fácil

Ingredientes:
1 colher (sopa) de azeite
1 cebola pequena em cubos
2 dentes de alho picados
1/2 xícara (chá) de extrato de tomate
5 tomates sem pele em cubos
1 xícara (chá) de água
1 pacote de macarrão tipo talharim (500g)
Queijo parmesão ralado e folhas de manjericão a gosto para polvilhar
Almôndegas:
700g de carne moída 2 vezes
1 pacote de pó para creme de cebola (65g)
4 colheres (sopa) de aveia
Sal e pimenta-do-reino a gosto
1 xícara (chá) de requeijão tipo Catupiry®
Modo de preparo:
Para as almôndegas, em uma vasilha, misture a carne moída, a sopa de cebola, a aveia, sal e pimenta a gosto e amasse com as mãos até ligar. Abra uma pequena porção de massa na mão, coloque uma bolota de Catupiry® e feche modelando a bolinha. Aqueça uma panela grande com o azeite, em fogo médio e refogue a cebola e o alho até dourar levemente. Acrescente o extrato e frite por 2 minutos. Despeje o tomate e a água. Tempere com sal e pimenta e deixe levantar fervura. Acrescente as almôndegas e deixe cozinhar em fogo baixo, tampado, por 15 minutos. Enquanto isso, cozinhe o macarrão em água fervente com sal pelo tempo indicado na embalagem ou até ficar al dente. Escorra e despeje em uma travessa. Cubra com o molho com as almôndegas, polvilhe com parmesão e manjericão e sirva.

terra

Como evitar gases das leguminosas: três dicas de cozimento ao preparar grão-de-bico, feijão e lentilha

Existem poucos ingredientes melhores, mais versáteis e mais baratos que as leguminosas. Elas possuem um conjunto amplo de benefícios nutricionais e muita utilidade na cozinha, mas deveriam ter letras miúdas. Afinal, não passa despercebido a ninguém que as leguminosas, via de regra, causam gases. Um incômodo que às vezes faz até a gente parar de preparar e comer essas delícias para não ter uma digestão pesada. No entanto, existem truques culinários que nos permitem preparar grão-de-bico, feijão, vagem e lentilha de forma que seus gases não sejam o centro das atenções. Descubra os prós e contras das leguminosas, por que motivo causam gases e como evitar esse problema com 3 truques de cozinha.

Os prós e contras de consumir leguminosas

Carregadas de fibras, carboidratos, vitaminas e uma boa fonte de proteína vegetal, além de apresentarem baixos níveis de gordura e terem baixo índice glicêmico, as leguminosas não devem desaparecer da nossa alimentação simplesmente porque produzem gases. Menos ainda quando sabemos, graças à ciência e ao conhecimento popular, que existem fórmulas e formas de cozinhar leguminosas evitando os perigosos gases.

Só que nem todas as pessoas digerem bem as leguminosas. Ainda mais à medida que envelhecemos e a digestão fica mais pesada. Além disso, devemos ter em mente que nem sempre elas são as vilãs já que elas muitas vezes acrescentamos outros elementos a essas receitas, tornando-as mais pesadas e, portanto, causando estufamento e gases abdominais.

É algo que podemos evitar em receitas básicas como o feijão simples e a salada de grão-de-bico, mas que é tão trivial de fazer na tradicional feijoada e em outros pratos festivos. A questão é se podemos evitar a produção de gases independentemente da receita. Será que é possível melhorar a digestão e, dessa forma, também reduzir o inconveniente dos gases? Felizmente, ambas as respostas são afirmativas: sim, é possível!

Por que as leguminosas causam gases?

Nós produzimos gases ao comer leguminosas porque elas são alimentos ricos em fibras e carboidratos complexos. Parte dos carboidratos das leguminosas incluem substâncias que não são digeríveis pelo nosso metabolismo, que é incapaz de quebrá-los em cadeias de açúcares menores. Dessa forma, ao chegarem ao intestino grosso, servem de alimento para as bactérias da nossa flora intestinal. Apesar de não serem ruins para a saúde, também tem um lado negativo: a fermentação que ocorre é que gera gases.

Como evitar gases depois de comer leguminosas

Existem várias maneiras de evitar gases após comer leguminosas sem precisar partir para um chá que acaba com gases. Alguns têm a ver com o preparo, mas outros têm a ver com a forma como consumimos essas leguminosas ou com o que as acompanhamos.

Também tem a questão de quão frescas estão as leguminosas, porque quanto mais velhas forem, mais necessitarão de cuidados no preparo. Confira os três truques para evitar gases das leguminosas:

  • Deixe de molho no dia anterior: manter as leguminosas em água durante algumas horas, mudando a água ocasionalmente, permite-lhes hidratar e libertar alguns dos oligossacarídeos presentes nelas. Além disso, quanto mais tempo deixar de molho, melhor. Isso vale para qualquer leguminosa, não apenas o feijão.
  • Mude o tipo de receita: parte dos problemas das leguminosas está associada à pele delas, que é fonte natural de carboidratos. Se prepararmos leguminosas em forma de purê ou creme, como no tutu de feijão, as cascas são quebradas e ficam mais fáceis de digerir.
  • Mastigue corretamente: comer devagar nos ajuda a fazer duas coisas. A primeira é incorporar menos ar entre as mordidas, o que também favorece o aparecimento de gases. A segunda, algo também evidente, é que trituramos melhor os alimentos, facilitando a digestão e evitando o inchaço.

 

Pudim de iogurte natural com xarope de groselha

Ao servir o pudim de iogurte natural, fica fácil surpreender a família com um fator surpresa: o xarope de groselha! Fugindo do tradicional, mas sem abrir mão de sabores consagrados, a receita se torna simplesmente irresistível. Depois de provar pela primeira vez, será impossível não querer repetir a sobremesa toda semana. Em seguida, o Guia da Cozinha detalha todo o modo de preparo para te ajudar a garantir o doce incrível sem dúvida, nem dificuldade em casa. Nós temos certeza que todos vão se apaixonar pela versão diferente do clássico brasileiro. Confira os ingredientes necessários e o passo a passo completo:

Pudim de iogurte natural
Tempo: 1h15 (+2h de geladeira)

Rendimento: 10 porções

Dificuldade: fácil

Ingredientes:
3 fatias de pão de forma sem casca
4 ovos
3 e 1/2 xícaras (chá) de iogurte natural
5 colheres (chá) de açúcar
Margarina e açúcar para untar
Xarope de groselha para acompanhar
Modo de preparo:
Corte o pão de forma em cubos e coloque no fundo de uma forma untada e polvilhada com açúcar. Aqueça o leite e coloque com os outros ingredientes no liquidificador para bater. Despeje na fôrma e asse em banho-maria por 45 minutos. Sirva gelado acompanhado groselha.

terra.

Conheça essa receita de macarronada de carne moída para seu almoço de domingo

Macarronada De Carne Moída

A macarronada de carne moída do Canal Gabriel Freitas é uma macarronada com um molho muito especial e suculento. Se você cansou da tradicional macarronada e quer dar um upgrade na sua receita, acompanhe o passo a passo a seguir que preparamos e pegue algumas dicas de como deixar seu prato ainda mais saboroso! Já chame a criançada pra cozinhar e preparem juntos essa deliciosa macarronada de carne moída!

Como fazer macarronada de carne moída

Para fazer essa macarronada de carne moída vamos precisar de ingredientes que você possivelmente tem em casa, como creme de leite, carne moída, macarrão, extrato de tomate, cebola, alho, tomate, molho de tomate, páprica defumada, sal, cheiro verde, pimenta-do-reino, sal e azeite. Enquanto deixamos o macarrão cozinhando, vamos preparar o molho. Depois de refogarmos o alho e a cebola, vamos adicionar a carne e deixar cozinhar até que fique bem soltinha. Então, adicionamos os temperos, o tomate, os molhos e deixamos cozinhar antes de adicionarmos o creme de leite. Incorporamos o macarrão cozido e escorrido ao molho e servimos com cheiro verde a nossa macarronada de carne moída! Bom apetite!

Ingredientes da receita de macarronada de carne moída

  • 500g de macarrão 
  • azeite a gosto
  • 1 colher de chá de sal
  • 1/2 cebola média picada
  • 3 dentes de alho picados
  • 500g de carne moída 
  • 1 colher de sopa de páprica defumada
  • pimenta-do-reino a gosto
  • 2 tomates maduros picados
  • 1/2 xícara de chá de extrato de tomate 
  • 1 sachê de molho de tomate
  • 1 caixa de creme de leite (200g)
  • cheiro verde a gosto

Modo de preparo

  1. Em uma panela grande, coloque o macarrão para cozinhar conforme às instruções da embalagem até ficar al dente, com 1 minuto antes do tempo da embalagem. 
  2. Em outra panela, aqueça o azeite e refogue a cebola e o alho com o sal até dourar. 
  3. Adicione a carne moída e refogue até ficar bem soltinha. 
  4. Tempere com a páprica defumada, a pimenta-do-reino, adicione o tomate e refogue bem até por cerca de 2 minutos.
  5. Adicione o extrato de tomate e o molho de tomate e cozinhe por 3 minutos em fogo baixo.
  6. Finalize com o creme de leite, mexa bem para agregar, e deixe cozinhar por 1 minuto.
  7. Escorra o macarrão cozido e envolva-o no molho, colocando o cheiro verde para finalizar. 
  8. Agora é só servir e se maravilhar com essa macarronada de carne moída mega suculenta!

correiodointerior

O famoso bolo queijadinha é só bater os ingredientes no liquidificador e levar no forno

Uma deliciosa combinação de coco com queijo ralado para um café da tarde sensacional. Perfeito para uma tarde agradável com as amigas o bolo queijadinha será responsável por diversos elogios. Confira o passo a passo do incrível bolo queijadinha e arrase servindo essa perfeição. 

Como fazer bolo queijadinha

Para o bolo queijadinha vamos usar ovos, margarina, queijo parmesão, coco ralado, leite de coco, farinha de trigo, açúcar, leite e fermento em pó. Bata ovos, leite, leite de coco, margarina e açúcar no liquidificador por 2 minutos. Junte o coco ralado, queijo ralado e farinha e o fermento. Despeje a massa em uma forma de furo central e asse por 30 minutos. Depois do bolo douradinho, retire do forno e com o bolo morno desenforme e deguste.

Ingredientes da receita de bolo queijadinha
  • 4 ovos inteiros
  • 2 colheres (sopa) margarina sem sal
  • 50g de queijo parmesão ralado
  • 50g de coco ralado
  • 1 vidro de leite de coco
  • 1 xícara (chá) de farinha de trigo
  • 1 xícara (chá) de açúcar
  • 200 ml de leite integral
  • 1 colher (sopa) de fermento em pó  

Modo de preparo

  1. No liquidificador, adicione os ovos, o leite, o leite de coco, a margarina e o açúcar, e bata por cerca de 2 minutinhos.
  2. Em seguida, adicione o coco ralado, o queijo ralado e a farinha de trigo, continuando batendo até que os ingredientes estejam incorporados.
  3. Por último adicione o fermento à massa misturando delicadamente com uma espátula.
  4. Coloque a massa em uma forma de furo central levemente untada e leve para assar.
  5. Forno pré-aquecido a 200°C por aproximadamente 30 minutos, ou até que esteja dourado.
  6. Após esfriar, desenforme e desfrute do seu maravilhoso e irresistível bolo de queijadinha!

receitatodahora

Torresmo crocante tradicional: faça esse clássico dos botecos e

O torresmo crocante tradicional deve ser feito sempre em porções generosas! Afinal, esse é o tipo de prato para ficar petiscando por horas, enquanto se viaja por uma boa conversa. Para não se limitar a esse cenário apenas nos botecos, basta aprender o modo de preparo em casa. Assim, é possível curtir com mais conforto – e também gastando menos.

Para quem busca uma alternativa para adquirir uma renda extra, esta receita também pode ser uma boa ideia para vender e entregar a domicílio! O sabor único e uma boa embalagem vão conquistar clientes sem dificuldade. Veja o modo de preparo:

Rendimento: 6 porções

Dificuldade: fácil

Ingredientes:
1kg de panceta em cubos
Sal a gosto
2 xícaras (chá) de óleo
Modo de preparo:
Tempere a panceta com o sal e o limão e deixe descansar por 20 minutos.
Em uma panela funda, aqueça o óleo e frite a panceta, mexendo de vez em quando, até ficar esbranquiçado.
Escorra bem, coloque em uma vasilha e leve a panceta para a geladeira por 1 hora.
Retire e escorra novamente.
Aqueça novamente o óleo, frite mais uma vez a panceta até dourar.
Escorra em papel absorvente, polvilhe com sal a gosto e sirva em seguida.

terra

Filé de frango com legumes para um almoço saudável

Chegou a hora do almoço e você não sabe o que fazer para a família? Essa receita foi pensada para te ajudar nesses dias! Enquanto o filé de frango oferece as proteínas para o seu dia, os legumes bem temperados dão vida e nutrientes ao prato.Foto: Guia da Cozinha
Com poucos ingredientes e um preparo rápido, esse filé de frango com legumes vai transformar os almoços na sua casa. Além do sabor, da suculência e de muitas cores, essa é uma maneira prática de manter uma rotina saudável, sem deixar de comer o que gosta! 

Veja na sequência como preparar esse prato delicioso de filé de frango com legumes:

Filé de frango com legumes
Tempo: 30min

Rendimento: 4 porções

Dificuldade: fácil

Ingredientes:
1 xícara (chá) de brócolis em buquês
1 xícara (chá) de couve-flor em buquês
2 colheres (sopa) de manteiga
1 cenoura fatiada na diagonal
1 abobrinha italiana fatiada na diagonal
1 colher (sopa) de óleo
4 filés de peito de frango
Sal e pimenta-do-reino a gosto
4 colheres (sopa) de ervas frescas picadas (tomilho, estragão, salsa, manjerona, orégano)
Modo de preparo:
Em uma panela, em fogo médio, cozinhe o brócolis e a couve-flor em água fervente por 5 minutos.
Escorra e reserve.
Em fogo médio, derreta a manteiga em uma frigideira grande e larga.
Adicione a cenoura, o brócolis e a couve-flor.
Refogue por 5 minutos, mexendo de vez em quando.
Acrescente a abobrinha e refogue por 2 minutos.
Desligue e reserve.
Aqueça uma frigideira com o óleo, em fogo médio.
Tempere o frango com sal, pimenta e grelhe por 3 minutos de cada lado.
Retire, passe para uma travessa e coloque os legumes.
Polvilhe com as ervas e sirva em seguida.
Se desejar, sirva acompanhado de arroz branco.

terra.

5 receitas vegetarianas para o jantar

Adotar um estilo de vida vegetariano ou simplesmente incorporar mais refeições sem carne no dia a dia pode ser uma ótima maneira de melhorar a saúde, reduzir o impacto ambiental e descobrir novos sabores. No entanto, muitas pessoas se deparam com o desafio de encontrar receitas que sejam, ao mesmo tempo, nutritivas e saborosas para o jantar, um momento em que a refeição se torna um ponto de encontro com a família e de relaxamento após um longo dia.

Tofu refogado com quinoa e vegetais
Ingredientes 
1 1/2 xícara de chá de tofu cortado em cubos 
1 xícara de chá de quinoa 
1 xícara de chá de floretes de brócolis 
1 xícara de chá de vagem cortada em pedaços 
2 dentes de alho amassados 
2 colheres de sopa de azeite 
Sal e pimenta-do-reino moída a gosto 
Água 

Modo de preparo 
Deixe a quinoa de molho na água por 12 horas. Após esse período, escorra a água e lave o grão em água corrente. Em uma panela, coloque a quinoa, cubra com água e leve ao fogo. Deixe o ingrediente cozinhar até que fique macio, desligue o fogo, escorra a água e reserve.Em outra panela, coloque os floretes de brócolis, a vagem e cubra com água. Leve ao fogo e deixe os vegetais cozinharem até que fiquem macios. Desligue o fogo, escorra a água e reserve os floretes de brócolis e a vagem.Em uma frigideira com azeite, doure o alho. Em seguida, acrescente o tofu e refogue-o até que ele fique dourado. Desligue o fogo e transfira o tofu para um recipiente. Adicione a quinoa, os floretes de brócolis e a vagem. Misture bem, tempere a receita com sal, pimenta-do-reino e sirva em seguida.  

Abobrinha fantástica
Ingredientes 
400 g de abobrinha cortada em rodelas 
1 xícara de chá de tomate sem pele cortado em tiras finas 
1 xícara de chá de nozes picadas 
1 xícara de chá de leite de soja 
1 colher de sopa de orégano 
1/2 xícara de chá de migalhas de pão francês 
1 xícara de chá de tofu picado em pedaços pequenos 
1 colher de sopa de azeite 
Sal e pimenta-do-reino moída a gosto 
Modo de preparo 
Em uma panela com azeite, coloque a abobrinha e refogue por 5 minutos. Após esse período, desligue o fogo e tempere o vegetal com sal e pimenta-do-reino. Em um recipiente, misture o leite de soja, as migalhas de pão e as nozes até obter um molho. Reserve. Em uma assadeira, disponha metade da abobrinha e, por cima, acrescente metade do tomate, metade do tofu e metade do orégano. Depois, adicione o restante da abobrinha e, por cima, acrescente o restante do tofu, do tomate e do orégano. Regue a receita com o molho reservado e leve ao forno preaquecido por 30 minutos.  

Risoto de cogumelos com espinafre
Ingredientes
1 xícara de chá de arroz arbóreo
2 xícaras de chá de cogumelos shimeji e champignon picados
2 xícaras de chá de folhas de espinafre frescas
1 cebola pequena picada
2 dentes de alho amassados
4 xícaras de chá de caldo de legumes caseiro
1/2 xícara de chá de vinho branco seco
1 colher de sopa de azeite de oliva
Sal e pimenta-do-reino moída a gosto
1/4 de xícara de chá de queijo parmesão vegano ralado
Modo de preparo
Em uma panela grande, aqueça o azeite e refogue a cebola e o alho até que fiquem transparentes. Adicione os cogumelos picados e cozinhe até que soltem toda a água e comecem a dourar. Acrescente o arroz arbóreo e refogue por alguns minutos até que os grãos fiquem brilhantes. Despeje o vinho branco e mexa constantemente até que o líquido seja absorvido. Adicione o caldo de legumes, uma concha por vez, mexendo frequentemente e esperando cada adição ser absorvida antes de adicionar a próxima. Mantenha o fogo baixo para que o arroz cozinhe lentamente. Quando o arroz estiver quase no ponto, acrescente o espinafre e continue a cozinhar até que o arroz esteja al dente. Ajuste o sal e a pimenta-do-reino. Incorpore o queijo parmesão vegano e aproveite!

Estrogonofe de palmito

Ingredientes 

1 xícara de chá de aveia em flocos 
1 colher de sopa de azeite 
1/2 cebola picada 
4 dentes de alho amassados 
1 xícara de chá de palmito pupunha picado 
1 xícara de chá de molho de tomate natural 
2 colheres de sopa de mostarda 
1/2 xícara de chá de salsinha 
2 xícaras de chá de água morna 
1/2 xícara de chá de água fria 
Sal e pimenta-do-reino moída a gosto 

Modo de preparo 
Em um recipiente, coloque a aveia e a água morna. Misture bem e deixe descansar por 30 minutos. Após esse período, bata a mistura no liquidificador e reserve. Em uma panela com azeite, doure o alho e a cebola. Em seguida, acrescente o palmito, o molho de tomate, a mostarda e a aveia batida. Mexa bem e adicione a salsinha, a água fria, o sal e a pimenta. Deixe cozinhar por 3 minutos, desligue o fogo e sirva a seguir. 

Lasanha de berinjela com ricota de tofu
Ingredientes
2 berinjelas grandes, fatiadas longitudinalmente
400 g de tofu
1/4 de xícara de chá de suco de limão
2 colheres de sopa de azeite extravirgem
1 dente de alho amassado
Sal, folhas de manjericão e pimenta-do-reino moída a gosto
2 xícaras de chá de molho de tomate caseiro
1 colher de sopa de orégano seco
Modo de preparo
Preaqueça o forno a 180 °C. Grelhe as fatias de berinjela em uma grelha ou frigideira com fio de azeite até que estejam macias e levemente douradas. Reserve. No liquidificador ou processador de alimentos, bata o tofu com o suco de limão, o azeite, o alho, o sal e a pimenta até obter uma consistência de ricota. Ajuste o tempero conforme necessário. Em um refratário, espalhe uma camada de molho de tomate. Disponha uma camada de berinjela, seguida por uma camada da ricota de tofu. Repita as camadas até que todos os ingredientes sejam utilizados, terminando com uma camada de molho. Após, polvilhe com orégano e adicione folhas de manjericão por cima. Cubra com papel-alumínio e asse por aproximadamente 30 minutos. Depois, retire o papel-alumínio e asse por mais 10 minutos para dourar levemente. Deixe esfriar por alguns minutos antes de servir.

terra

Veja alimento saciante com mais ferro que lentilha e fibra que kiwi

A fibra e o ferro são dois nutrientes essenciais para garantir um bom funcionamento do corpo. Além de prevenir a constipação e evitar picos de glicose, estas substâncias ajudam a perder peso devido ao poder saciante. Um alimento excelente para incluir na dieta que supera os benefícios da lentilha e o kiwi é o milho. Na Índia e China, por exemplo, o milho tem sido um componente básico da dieta durante séculos. A população local — isso se estende a outros países, como o Brasil — costuma usar o ingrediente para fazer pães, tortilhas, mingaus e ensopados. Em alguns outros locais, o grão também é fermentado para produzir bebidas alcoólicas tradicionais.

O milho é um alimento rico em fibras e ferro

Consumir milho não só fornece fibra e ferro ao organismo, mas também ajuda a manter os níveis de açúcar no sangue estáveis. Outro benefício está nos compostos antioxidantes, que combatem os danos causados ​​pelos radicais livres no corpo, e nos ácidos graxos, como o ácido oleico e o ácido linoléico, benéficos para a saúde. É também uma ótima opção para pessoas com sensibilidade ou intolerância ao glúten. Vale citar que o milho fornece fonte de fibra tanto solúveis como insolúveis, além de 41% das necessidades diárias de ferro. Para melhorar sua absorção, combine-o com alimentos ricos em vitamina C, como a salsa.

metropoles

Veja 3 benefícios incríveis de substância presente em fruta acessível

E não é que a frase “an apple a day keeps the doctor away” (“uma maçã por dia mantém o médico longe”, em tradução livre) faz todo sentido? A fruta, de fácil acesso e muito saborosa, é uma excelente fonte de nutrientes e vitaminas. Aliada a uma boa saúde, ela ainda tem ação antioxidante e fornece compostos fenólicos que combatem inflamações.O que nem todos conhecem é que a maçã é rica em pectina, uma fonte de fibra solúvel muito usada em suplementos dietéticos. Essa substância, na verdade, é um heteropolissacarídeo, ou seja, um polissacarídeo constituído por mais de um tipo de açúcar. Seu principal componente é o ácido galacturônico, um ácido de açúcar derivado da galactose.Um estudo de 2019 mostrou que a pectina teve um impacto positivo no microbioma (bactérias intestinais), sendo capaz de aumentá-las ou diminuí-las. Os pesquisadores também estudaram o efeito da macromolécula em relação aos níveis de açúcar no sangue e de colesterol, além da saúde digestiva.De acordo com a publicação Verywell Health, a dose diária sugerida de pectina é de até 15 gramas, quantidade típica usada em estudos clínicos. No geral, a ingestão desse ingrediente é segura, embora seja possível ocorrer efeitos colaterais gastrointestinais.
PexelsMaçãs
A maçã é rica em pectina

O uso de pectina também está associado, segundo levantamentos, a atividades antioxidante e antitumoral (câncer); ao tratamento de úlcera duodenal e à doença inflamatória intestinal, incluindo doença de Crohn e colite ulcerativa. Mas as análises ainda são inconclusivas.

Benéfica para a saúde digestiva

Um estudo examinou o impacto do pó de pectina de maçã na síndrome do intestino irritável com predominância de diarreia, com queda maior nos sintomas. Outra análise que envolveu a administração de um produto combinado contendo pectina de maçã e extrato de camomila para crianças com diarreia descobriu que as crianças tratadas tiveram melhora dos sintomas do que as do grupo placebo.

Benéfica para o controle de colesterol

Cientistas analisaram os efeitos do heteropolissacarídeo em pessoas com níveis de colesterol levemente elevados e observaram a redução do LDL (lipoproteína de baixa densidade), considerado “ruim”, em 4,94 a 9,26 milimoles por litro (mmol/L) — e o colesterol total em 3,73 a 6,54 mmol/L. “A pectina se liga ao colesterol no trato digestivo e o transporta para fora do corpo antes que possa ser absorvido pela corrente sanguínea“, diz a Verywell Health.

Maçãs - Metrópoles
Estudos ligaram a ingestão de pectina à redução de colesterol LDL

Apesar dos resultados, ainda é cedo para concluir todos esses efeitos da pectina da maçã.

Benéfica para os níveis de açúcar no sangue

Em um pequeno estudo, a florizina, um produto enriquecido com pectina de maçã, reduziu o nível de açúcar no sangue após uma refeição em indivíduos saudáveis. Foram usados 7 gramas de pectina de maçã em diabéticos dependentes de insulina. A necessidade de insulina caiu em 35% após as refeições.Conforme relatado acima, embora seja segura e com poucos efeitos colaterais, a substância pode causar efeitos colaterais leves como diarreia, gases ou cólicas estomacais. Já indivíduos alérgicos a maçã ou pectina devem tomar cuidado.“A pectina também pode interferir na forma como você absorve certos medicamentos e suplementos. Informe o seu médico se você estiver fazendo uso”, adverte a publicação.

Maçãs
A substância pode causar efeitos colaterais leves

Onde encontrar

A ingestão do ingrediente é possível por meio de suplementos de cápsula ou pó. Mas há, ainda, um modo de preparo caseiro bastante prático:

  • Ferva as maçãs com casca em água com suco de limão por cerca de 45 minutos;
  • Coe a pectina;
  • Coloque a pectina na geladeira durante a noite;
  • Ferva novamente por cerca de 20 a 30 minutos no dia seguinte;
  • Leve à geladeira e use em três ou quatro dias, ou coloque no freezer, onde durará vários meses.

Vale lembrar que existem alimentos com grandes quantidades de pectina, além da maçã, como beterraba, cenoura, cascas de frutas cítricas, pera, batata convencional e batata-doce e frutas de caroço como damascos, cerejas e pêssegos.

metropoles

6 receitas da culinária mineira para o almoço

Para os mineiros, cozinhar é uma arte. Geralmente, eles preparam delícias de todo tipo, pois são muito hospitaleiros e gostam de mesa farta para receber a família e os amigos. Em vista disso, os pratos, originalmente simples, foram ganhando ao longo dos tempos ingredientes e um toque especial. Hoje, a gastronomia do estado é uma das mais ricas e saborosas.

Frango com quiabo.

A seguir, confira 6 receitas de comidas mineiras que vão fazer sucesso na sua mesa!

Frango com quiabo
Ingredientes
1 frango caipira cortado em pedaços médios  
500 g de quiabo cortado em rodelas grossas 
1 colher de sopa de óleo 
1/2 cebola descascada e cortada em cubos  
4 dentes de alho descascados e amassados 
Suco de 2 limões 
Sal, óleo, salsinha e cebolinha picada a gosto  
1 folha de louro 
Água fervente
Modo de preparo 
Em uma panela, coloque o frango, cubra com água, coloque o suco de limão e leve ao fogo médio para cozinhar até levantar fervura. Desligue o fogo, escorra a água e reserve. Em outra panela, coloque o óleo e leve ao fogo médio para aquecer. Adicione o frango e doure. Depois, retire o frango da panela, escorra o óleo e reserve. Na mesma panela, coloque o óleo e aqueça em fogo médio. Acrescente o alho, a cebola e o quiabo e refogue até o quiabo deixar de soltar a “baba”. Junte o frango frito e cubra com água fervente. Acrescente a folha de louro e o sal, tampe a panela e cozinhe em fogo médio até o frango ficar macio. Desligue o fogo, polvilhe com cebolinha e salsinha e sirva em seguida.

Feijão-tropeiro
Ingredientes 
1 kg de feijão cozido e sem caldo 
500 g de linguiça calabresa picada 
500 g de bacon picado 
6 ovos fritos 
2 pimentões sem sementes e picados 
4 cebolas descascadas e picadas 
4 dentes de alho descascados e amassados 
5 folhas de couve picadas 
1/2 kg de farinha de mandioca torrada 
1 pimenta vermelha picada
Sal e cheiro-verde picado a gosto 
Modo de preparo 
Em uma panela, coloque o bacon e a calabresa e leve ao fogo médio para fritar. Com a ajuda de uma colher, retire-os da panela e reserve. Na gordura que fritou o bacon e a linguiça, coloque o alho e refogue até dourar. Adicione o pimentão, a cebola, os ovos, a couve, a pimenta e sal e mexa bem. Acrescente a farinha de mandioca e misture para incorporar. Por último, coloque o feijão e o cheiro-verde e sirva em seguida.

 

Tutu de feijão
Ingredientes 
3 conchas de feijão cozido e com caldo 
1 colher de sopa de óleo 
1 linguiça calabresa cortada em rodelas 
1 xícara de chá de bacon picado 
1 xícara de chá de farinha de milho
Sal, pimenta-do-reino moída, salsinha e cebolinha picada a gosto 
Óleo para fritar
Modo de preparo 
Em uma panela, coloque o óleo e leve ao fogo médio para aquecer. Adicione a linguiça e o bacon e doure. Desligue o fogo e reserve. Em um liquidificador, coloque o feijão e bata bem. Após, transfira a mistura para a panela com o bacon e a linguiça e tempere com sal e pimenta-do-reino. Aos poucos, acrescente a farinha de milho e leve ao fogo médio para cozinhar até engrossar. Desligue o fogo, junte a salsinha e a cebolinha e sirva em seguida.

Goiabada cascão

Goiabada cascão
Ingredientes
1 kg de goiaba
1 kg de açúcar cristal
60 ml de água
Modo de preparo
Lave as goiabas em água corrente e, com a ajuda de uma faca, corte-as ao meio. Retire a polpa e reserve as cascas. Em um liquidificador, coloque a polpa da goiaba, adicione a água e bata até obter uma consistência homogênea. Com a ajuda de uma peneira, coe a mistura e retire as sementes. Transfira para uma panela, junte as cascas das goiabas e o açúcar e leve ao fogo médio para cozinhar até levantar fervura, mexendo de vez em quando. Após, reduza o fogo e cozinhe até o doce desgrudar do fundo da panela, amassando as cascas com a ajuda de uma colher. Desligue o fogo, transfira a mistura para uma assadeira forrada com plástico-filme e espere esfriar. Sirva em seguida.

Vaca atolada
Ingredientes 
1 kg de costela de boi cortadas em pedaços médios
1 kg de mandioca descascada e cortada em cubos 
3 colheres de sopa de óleo  
2 tomates sem pele, sem sementes e picados 
1 pimentão verde sem sementes e cortado em fatias 
2 cebolas descascadas e cortadas em rodelas finas 
Sal, cheiro-verde e cebolinha picada a gosto    
Água 
Modo de preparo 
Em uma panela de pressão, coloque o óleo e leve ao fogo médio para aquecer. Adicione as costelas e refogue até dourar. Acrescente os tomates, o pimentão, as cebolas e o sal e cubra com água. Cozinhe até a carne ficar macia. Junte a mandioca e cozinhe até ficar macia. Desligue o fogo, polvilhe com cheiro-verde e cebolinha e sirva em seguida.

Bambá de couve
Ingredientes  
2 colheres de sopa de fubá 
1/2 xícara de chá de água  
800 ml de caldo de carne quente
300 g de linguiça calabresa cortada em rodelas 
5 folhas de couve rasgada e sem os talos 
Modo de preparo  
Em uma frigideira, coloque o fubá e leve ao fogo médio para torrar. Desligue o fogo e reserve. Na mesma frigideira, coloque a linguiça e leve ao fogo médio para fritar. Desligue o fogo e reserve. Em um recipiente, coloque o fubá torrado e o caldo de carne e misture bem. Junte a couve e a linguiça e mexa até engrossar. Sirva em seguida.

terra

Macarrão de forno com salsicha: refeição completa e econômica

O macarrão de forno com salsicha é uma receita prática para o dia a dia e serve até 5 porções! Com ingredientes baratinhos, é possível preparar o prato principal do seu almoço ou jantar, garantindo a refeição para toda a família. É muito fácil de fazer e fica simplesmente delicioso, então vamos ao passo a passo completo? Confira a seguir a lista de ingredientes e surpreenda-se com a receita:

Macarrão de forno com salsicha

Rendimento: 5 porções

Dificuldade: fácil

Ingredientes:
1 pacote de macarrão tipo talharim (500g)
1 xícara (chá) de queijo muçarela ralado
Molho
3 colheres (sopa) de azeite
1 cebola picada
10 tomates picados
1/2 xícara (chá) de água
10 salsichas aferventadas em rodelas
Sal a gosto
1 pote de requeijão cremoso (200g)
Modo de preparo:
Cozinhe o macarrão conforme as informações da embalagem, escorra e reserve. Enquanto isso, para o molho, aqueça uma panela com o azeite e refogue a cebola rapidamente. Adicione o tomate e a água e cozinhe em fogo baixo por 20 minutos ou até formar um molho. Acrescente a salsicha, o sal e então cozinhe por mais 10 minutos. Junte o requeijão, misture e desligue o fogo. Misture o molho com o macarrão, transfira para um refratário, polvilhe com o queijo e leve ao forno médio, preaquecido, por 10 minutos. Retire e sirva em seguida.

terra.

Qual a diferença entre abacate e avocado? Entenda!

Abacate e avocado têm os mesmos benefícios? Existem diferenças entre eles? Os frutos são ricos em vitaminas e minerais e são distintos. A nutricionista Joice Machado explica que eles são “da mesma família”, porém diferem em tamanho e aparência da casca: a do avocado é verde a roxa e no abacate sempre verde.“O sabor é parecido, porém o avocado possui consistência mais firme, que pode ser interessante em receita que necessitem dele cortado em cubos ou lâminas, enquanto o abacate é mais cremoso, bom para cremes, mousses e guacamole”, conta.

Ambos são bem nutritivos, porém o avocado tem um pouco menos de calorias.

“Enquanto o abacate possui menos gordura. E mais fibras, portanto ambos são bem saudáveis”, completa a especialista. O avocado também é rico em fibras, potássio, além de vitaminas E, B6, ácidos graxos monoinsaturados, gordura saudável e antioxidantes.Já o abacate pode ser um grande aliado das dietas, já que auxilia na saciedade. Além disso, ele também contribui para a prevenção de doenças cardíacas, reduz o colesterol e até mesmo previne câncer e derrame.O abacate é rico em vitaminas A, B e K, é fonte de minerais como potássio, manganês, ferro, cobre e zinco, contém fibras, antioxidantes e gorduras monoinsaturadas, consideradas boas para o organismo.  “Apesar de calórica, a fruta é pobre em gordura ruim e não contém colesterol e sódio. Quando consumida de forma moderada, traz mais sabor e enormes benefícios à saúde”, explicou Soraia Batista, nutricionista da Pluxee.

terra

5 receitas de crepe fáceis de fazer

O dia 2 de fevereiro é celebrado como o ‘Dia do Crepe’, uma homenagem a essa deliciosa e versátil receita que conquistou paladares ao redor do mundo. Originários da culinária francesa, eles tornaram-se uma opção adorada por sua simplicidade e sabor refinado.

Crepe de chocolate com morango
Ingredientes
1 xícara de chá de farinha de trigo
1 ovo
200 ml de leite
200 g de chocolate ao leite picado
2 xícaras de chá de morango fatiado
Manteiga para untar
Modo de preparo
Em um liquidificador, bata a farinha de trigo, o ovo e o leite até obter uma massa homogênea. Unte uma frigideira com manteiga e leve ao fogo médio para aquecer. Despeje uma porção da massa na frigideira e espalhe para cobrir o fundo formando um disco fino. Doure a massa dos dois lados. Coloque os morangos fatiados e o chocolate sobre o crepe e dobre. Repita o processo com o restante da massa e do recheio. Sirva em seguida.

Crepe de queijo e presunto
Ingredientes

1 xícara de chá de farinha de trigo
2 ovos
1 xícara de chá de leite
100 g de queijo muçarela ralado
100 g de presunto fatiado
1 colher de sopa de manteiga
Sal e pimenta-do-reino moída a gosto
Modo de preparo
Em uma tigela, misture a farinha de trigo, os ovos, o leite, o sal e a pimenta-do-reino até obter uma massa homogênea. Unte uma frigideira com manteiga e leve ao fogo médio para aquecer. Despeje uma porção da massa na frigideira e espalhe para cobrir o fundo formando um disco fino. Doure a massa dos dois lados. Acrescente o queijo e o presunto sobre o crepe e dobre. Repita o processo com o restante da massa e do recheio. Sirva em seguida.

Crepe de queijo com espinafre

Crepe de queijo com espinafre
Ingredientes
1 xícara de chá de farinha de trigo
2 ovos
1 xícara de chá de leite
1 xícara de queijo feta picado
2 xícaras de chá de folhas de espinafre
Sal e azeite a gosto
Modo de preparo
Em uma panela, aqueça o azeite em fogo médio e refogue o espinafre até murchar. Tempere com sal e reserve. Em um recipiente, misture a farinha de trigo, os ovos, o leite e o sal até ficar homogêneo. Unte uma frigideira com azeite e leve ao fogo médio para aquecer, adicione um pouco de massa e espalhe para formar uma camada fina. Cozinhe até a massa ficar firme, vire e cozinhe do outro lado. Adicione o queijo feta e folhas de espinafre sobre o crepe e dobre. Repita o processo com o restante da massa e do recheio. Sirva em seguida.

Crepe de frango com cogumelo
Ingredientes
200 ml de leite
2 colheres de sopa de manteiga derretida
2 ovos
3/4 de xícara chá de farinha de trigo
1 colher de sopa de páprica picante
1 cebola picada
1 xícara de chá de frango cozido e desfiado
200 g de cogumelo Paris fatiado
Sal, azeite e pimenta-do-reino moída a gosto
Modo de preparo
Em uma panela, aqueça o azeite e refogue a cebola até ficar transparente. Acrescente o frango e o cogumelo e refogue por 5 minutos. Tempere com sal, pimenta-do-reino e páprica. Reserve. Em um liquidificador, bata o leite, a manteiga, os ovos, o sal e a farinha de trigo até ficar homogêneo. Unte uma frigideira com azeite e leve ao fogo médio para aquecer. Despeje uma porção da massa na frigideira e espalhe para cobrir o fundo formando um disco fino. Doure a massa dos dois lados. Coloque o recheio sobre o crepe e dobre. Repita o processo com o restante da massa e do recheio. Sirva em seguida.

Crepe de banana com canela
Ingredientes
3 bananas-da-terra maduras amassadas
1 banana-nanica fatiada
1/2 xícara de chá de leite 
2 colheres de sopa de farinha de trigo
1 colher de sopa de óleo
1 ovo
2 colheres de sopa de mel
4 colheres de sopa de açúcar
1 colher de sopa de canela
1 colher de chá de fermento em pó
Manteiga para untar
Modo de preparo
Em uma tigela grande, misture as bananas-da-terra amassadas, o leite, o óleo, a canela, a farinha de trigo, o ovo e o açúcar até obter uma massa homogênea. Unte uma frigideira com manteiga e leve ao fogo médio para aquecer. Despeje uma porção da massa na frigideira e espalhe para cobrir o fundo formando um disco fino. Doure a massa dos dois lados. Depois, coloque as fatias de banana-nanica no meio do crepe, regue com mel e dobre. Repita o processo com o restante da massa e do recheio. Sirva em seguida.

terra

4 receitas saudáveis com frango desfiado

O frango é uma das proteínas essenciais para manter a saúde do organismo, especialmente para quem está de dieta ou prática atividade física. Afinal, ele é rico em vitaminas, fornece energia para o corpo, aumenta a imunidade e ajuda no ganho de massa muscular. E os seus benefícios não param por aí, pois ele também é um ingrediente econômico e versátil, o que facilita a riqueza de sabores durante a dieta, principalmente na sua versão desfiada.

5 receitas de sorvete sem lactose

Ingredientes
1/2 xícara de chá de farinha de trigo
1 colher de sopa de azeite
3 colheres de sopa de água
100 g de frango desfiado e refogado com molho de tomate
Polpa de 1 abacate cortada em cubos
1 cebola descascada e cortada em cubos
1 tomate sem sementes picado
Sal e coentro a gosto
Farinha de trigo integral para enfarinhar
Azeite para untar
Modo de preparo
Em um recipiente, coloque a farinha de trigo integral, o azeite, o sal e a água e misture até obter uma massa homogênea. Depois, enfarinhe uma superfície lisa com farinha de trigo, divida a massa em três partes iguais e, com a ajuda de um rolo, abra no formato de um círculo. Reserve. Unte uma frigideira com azeite e leve ao fogo médio para aquecer. Disponha os discos, um de cada vez, sobre ela e cozinhe até começar a fazer bolhas. Vire com cuidado para dourar o outro lado e desligue o fogo. Após, com a ajuda de uma colher, recheie as massas com frango, tomate, cebola, coentro e abacate. Dobre ao meio, tempere com sal e sirva em seguida.

Patê de frango
Ingredientes
1 peito de frango desossado
250 g de creme de ricota
1 cebola descascada e picada
Sal e pimenta-do-reino moída a gosto
Água para cozinhar
Modo de preparo
Em uma panela, coloque o frango, cubra com água, coloque sal e leve ao fogo médio para cozinhar por 20 minutos. Após, desligue o fogo, escorra a água e desfie o frango. Transfira para um liquidificador, adicione o restante dos ingredientes e bata até obter uma pasta. Sirva em seguida.

Dica: Sirva com torrada de pão integral

Salada de alface e repolho com frango desfiado

Salada de alface e repolho com frango desfiado
Ingredientes
150 g de peito de frango desossado, cozido e desfiado
Folhas de 1 maço de alface lavadas
1 repolho roxo lavado e cortado em tiras
Gomos de 1 tangerina
1 cenoura descascada e ralada
1 colher de sopa de sementes de gergelim
Suco de 1 limão
Sal e pimenta-do-reino moída a gosto
Modo de preparo
Em um recipiente, coloque o frango e tempere com sal e pimenta-do-reino. Acrescente as folhas de alface, o repolho, a cenoura, os gomos de tangerina e o suco de limão. Misture bem, ajuste o sal, polvilhe com as sementes de gergelim e sirva em seguida.

Berinjela recheada com frango desfiado
Ingredientes
1 berinjela
150 g de peito de frango desossado, cozido e desfiado
1 cebola descascada e picada
1 pimentão vermelho sem sementes picado
1 tomate sem sementes picado
1 colher de sopa de molho de tomate
Sal, azeite e pimenta-do-reino moída a gosto
Azeite para untar
Modo de preparo
Em água corrente, lave a berinjela e, com a ajuda de uma faca, corte-a ao meio, no sentido do comprimento. Retire o miolo, pique-o e reserve o vegetal e o miolo picado. Em uma panela, coloque o azeite e leve ao fogo médio para aquecer. Adicione a cebola e doure. Junte o frango e cozinhe até dourar. Acrescente o pimentão, o tomate, o miolo da berinjela, o molho de tomate, o sal e a pimenta-do-reino e cozinhe até secar a água liberada pelos vegetais. Desligue o fogo, espere esfriar e, com a ajuda de uma colher, recheie a berinjela. Depois, disponha o vegetal sobe uma assadeira untada com azeite e leve ao forno preaquecido a 180ºC por 20 minutos. Sirva em seguida.

Terra